Mantida invalidade de norma coletiva que instituiu jornada de 42 dias de trabalho por 21 de descanso